Pontos Cantados - Xangô

 

Xangô morava nas pedreiras, viveu escrevendo em uma pedra

Ele escreveu a justiça, quem deve paga, quem merece recebe

----------------------------

Xangô é rei, é rei nagô   2x

oi bate palma pra coroa de Xangô  2x

----------------------------

Meu pai Xangô olhai seus filhos

Que eu também sou filho seu     2x

Seu agodô, Iemanjá sobá   2x

----------------------------

Xangô meu pai deixa esta pedreira aí  2x

Umbanda tá te chamando deixa esta pedreira aí 2x

Eu vim de longe pra poder chegar aqui  2x

Umbanda tá te chamando deixa esta pedreira aí 2x

----------------------------

Lá em cima daquela pedreira, tem um livro que é de Xangô  2x

Caô, caô caô cabecile meu pai  2x

----------------------------

Ele bradou na aldeia, bradou na cachoeira em noite de luar

No alto da pedreira vai fazer justiça pra nos ajudar

Ele bradou na aldeia cao cao

E aqui vai bradar cao cao

Ele é Xangô da pedreira

Ele nasceu na cachoeira lá no Jurema

----------------------------

Por detrás daquela serra tem uma linda cachoeira 2x

É de meu Pai Xangô que arrebentou sete pedreiras  2x

----------------------------

Pedra rolou Pai Xangô, lá nas pedreiras

Afirma ponto meu Pai nas cachoeiras

Tenho meu corpo fechado, Xangô é meu protetor

Afirma ponto meu Pai, Pai de cabeça chegou

----------------------------

Lá em cima daquela pedreira, tem um livro que é de Xangô  2x

Caô, Caô, Caô cabecile oh meu Pai  2x

----------------------------

Saravá Xangô Agodô

Salve todos os filho de Xangô

Afirma ponto nas pedreiras pra seus filhos, Pai Xangô

Neste terreiro, Saravá Babalaô

----------------------------

Cachoeira das matas virgens, onde mora meu Pai Xangô  2x

Pedra rolou Nanã Buroque, pedra rolou sarava Pai Xangô  2x

Saravá Pai Xangô oh oh, Saravá Pai Xango ê ah

Se ele é filho de fé bate cabeça pra meu Pai Xangô  2x

----------------------------

Dizem que Xangô mora nas pedreiras, mas não é lá sua morada verdadeira  2x

Xangô mora numa cidade de luz, onde mora Santa Barbara, Oxumaré e Jesus   2x

----------------------------

Quem rola pedra na pedreira é Xangô  2x

Xangô do acarajé, do acarajé  2x

----------------------------

Quem disser que na Umbanda não trabalha com Xangô

Vai pedir perdão a Zambi e a justiça de Caô

Caô, caô, na Umbanda tem Xangô

Caô, cão, filho de fé Caô chegou

Ele é o dono das pedreiras, eu já escuto o seu bradar

Com seu machado e o seu trovão

É Xango quem ilumina esse conga

Caô, caô, na Umbanda tem Xangô

Caô, caô, filho de fé Caô chegou

Contato

Núcleo Religioso Sagrado Coração do Amor Divino Rua: Marechal Floreano Peixoto, nº 386, Vila Marcondes
Presidente Prudente/SP
19030-020
+55.018.997027255 - 018 991681000 - 018 39039028 wagnercnogueira@hotmail.com